Imprimir Fechar

município de portão

administração municipal 2017/2020
Portão
Pesquisar  
Hidrografia de Portão

Hidrografia de Portão

Hidrografia é a ciência que pesquisa e mapeia todos os reservatórios de águas naturais, de um determinado lugar. O território de Portão se localiza no divisor de duas bacias hidrográficas: a Bacia do Rio Caí e a Bacia do Rio dos Sinos.

Da Bacia do Rio Caí, passa pelo município um importante tributário que é o Rio Cadeia. Sendo o limite natural, entre Portão e São José do Hortêncio, ao norte. Deságuam neste rio, os arroios Serraria (deságua ao norte do município), Cadeinha (divisa a noroeste, com São Sebastião do Caí), Macaco Branco (com suas nascentes na localidade de Macaco Branco) e o arroio Capivara, com nascentes na localidade Sertão Capivara. O Rio Cadeia, segundo dados do Comitê Caí, já entra no município de Portão, com suas águas bem comprometidas pela poluição industrial, (na sua maioria curtumes e matadouros de animais) oriundos de outras cidades.

A maioria destes arroios pertence a Bacia do Rio dos Sinos. Estes por sua vez, estão subdivididos em 3 sub-bacias que são numeradas, conforme organização do Comitesinos

Sub-Bacia n° 3 Arroio da Estância

A sub Bacia nº. 3, compreende uma área de 45,99 km². O arroio Estância contribui diretamente ao Rio do Sinos. Percorre o sentido oeste-leste, localiza-se ao sul do município, fazendo divisa municipal com Nova Santa Rita. Este recebe alguns cursos d’água em seu leito, entre eles, o Arroio das Palmas, com nascentes situadas na localidade de Fazenda das Palmas. Além disso, tem suas nascentes no município, na localidade de Sanga Funda. São utilizadas suas águas para dessedentação de animais, irrigação de hortaliças, diluição e afastamento de despejos domésticos, industriais e rurais.

Sub-Bacia n° 4 Arroio Boa Vista

Compreende uma área de 45,70 km². Recebe cursos d’água nos sentidos norte e sul. Destacam-se os Arroios Aroeira e Figueira, como seus tributários. Tem suas nascentes no limite oeste do município, percorrendo o sentido norte-sul e oeste-leste. Deságuando diretamente no Rio dos Sinos. Drena parte da sede urbana do município, onde se desenvolvem algumas atividades industriais. Suas águas são utilizadas para irrigação de hortaliças, aquicultura, dessedentação de animais, diluição e afastamento de despejos domésticos, industriais e rurais. Há desmatamento significativo em suas nascentes.

Sub Bacia n° 5 Arroio Portão

Compreende uma área de 114,26 km². É a principal microbacia hidrográfica do município, pois agrega diversos e significativos arroios. Suas nascentes localizam-se ao norte, no município de Ivoti. Atravessando os Municípios de Estância Velha/Portão, recebendo em todo percurso, quantidades significativas de efluentes industriais e esgoto cloacal. Em Estância Velha tem o nome de Arroio Estância Velha. Em Portão o arroio recebe quatro de seus cinco afluentes principais.

Estes afluentes, muitas vezes, já estão poluídos e agravam a situação do arroio principal. Depósitos de lixo, próximos às margens do arroio, constituem outro meio de contaminação. Devido a todos estes fatores, este curso d'água, que tem sua foz na margem direita do Rio dos Sinos, está bastante comprometido e a aparência das águas denuncia as graves alterações causadas pelos poluentes no meio aquático. Estas alterações, incluem transparência, ph, oxigênio dissolvido na água, etc., afetando diretamente flora e fauna existentes nas proximidades.

Fonte: Livro Conhecer para Amar e Respeitar a História
Autoras: Jussara Prates dos Santos Girardi, Claudete Brandolt Rocha, Eliege Moura Alves
serviços
Para garantir mais agilidade e praticidade, listamos os serviços online.
Requerimentos Baixe o documento padrão para solicitar um requerimento diretamente à administração municipal de Portão.
Autorização Geral para Terraplanagem Formulário e Termo de Referência para solicitação de Autorização Geral para Terraplanagem / Movimentação de Solo.